Blog, Gênero Filhas da Terra: Jovens mulheres em movimento

3 de dezembro de 2020

Compartilhar

FacebookTwitterPinterestLinkedInEmail

Daniela Ribeiro Patrocínio, 23 anos. Paraense, morado da comunidade ribeirinha chamada Prainha2,  município de Belterra. Faz parte da família LGBT+,  sou lésbica e voluntária no Engajamundo.

O que  me inspira a continuar lutando é a força dos amigos que fazem parte dessa família que não baixa a cabeça nunca.

O que me põe em movimento é saber que muitas coisas que já aconteceram comigo continuam acontecendo com muitas outras garotas. E por isso atuo com garra nos movimentos porque sei que não é fácil ser mulher. É muito importante lutarmos hoje  enquanto mulher porque temos direitos, temos que ter voz, se isso não acontecer nunca chegaremos a tal sonhada liberdade. Só tenho a dizer que não devemos parar nunca nossas lutas porque é lutando que vamos conseguir a vitória. 

Meu maior sonho como mulher LBGT é conseguir me formar e ser uma mulher de sucesso na vida e mostrar para outras mulheres que não devemos desistir nunca.

Ser uma jovem da floresta hoje pra mim significa força, sabedoria e determinação porque lutamos todos os dias por nossos povos.


Confira a história da Thaiane na página 4

FacebookTwitterPinterestLinkedInEmail

Buscar